Saudações alvi-celestes!

Saudações alvi-celestes! Este blog tem por objetivo mostrar a história, curiosidades, fotos, videos, notícias e tudo que for ligado ao nosso Londrina Esporte Clube, o Tubarão.
Estamos em pesquisa contínua, atualizando dados todas as semanas.
Sinta-se à vontade para entrar em contato conosco:
Colaborações, sugestões, informações: E-Mail: bloglondrinense@yahoo.com.br
Flávio Frim

sábado, 17 de setembro de 2011

1981 - Campeão Paranaense - Parte 1

Texto: Marcelo Guidio Almeida (Jornal do LEC- 18/09/2005)

           O Londrina Esporte Clube sagrou-se Campeão Paranaense em 1981 diante de seu arqui-rival, o Grêmio de Maringá.
         O Grêmio havia sido campeão do primeiro turno. O Tubarão, com uma bela campanha, foi o vencedor do segundo turno. O Campeonato Paranaense de 1981 seria decidido em dois Clássicos do Café. O norte do Paraná estava em estado de graça. Para o Londrina era a chance de acabar com quase 19 anos de jejum estadual (havia sido campeão Paranaense em 1962).

Clique para ampliar
     A primeira partida da final foi disputada em Maringá e o LEC surpreendeu o Galo. O time comandado pelo treinador Urubatão Calvo Nunes venceu por 3x2 e calou a torcida maringaense no Estádio Willie Davids. Com o resultado o Tubarão jogaria a segunda partida no Estádio do Café, precisando apenas de um empate para conquistar o título Estadual. E a torcida alviceleste estava confiante.
          A cidade de Londrina parou para acompanhar o duelo final entre LEC e Grêmio. Na tarde do dia 29 de novembro de 1981, 44.348 torcedores (43.412 pagantes) se espremiam nas arquibancadas do Estádio do Café. O azul e branco era predominante em bandeiras e camisas. A festa estava preparada.
             E o jogo começou com o Londrina partindo para o ataque, ignorando a vantagem do empate. Logo aos 14 minutos o centroavante Paulinho recebeu a bola de Zé Dias e marcou o primeiro gol do Tubarão. O Estádio do Café quase veio abaixo. O barulho era enorme. Mas a festa da torcida londrinense duru pouco tempo. Nove minutos depois o meia-atacante Silvinho empatou para o GEM. Placar do primeiro tempo: 1 a 1. Muitas emoções ainda estavam por vir na segunda etapa de jogo.
             Após o intervalo, a partida estava equilibrada, mas com um leve domínio do LEC. Aos 21 minutos, o técnico Urubatão troca Nivaldo por Carlos Alberto Garcia. Sangue novo na equipe. Dez minutos depois da alteração, o ponta Carlos Henrique sofre uma falta pela esquerda do ataque alviceleste. Ele mesmo levanta a bola para a área e Garcia, numa cabeçada perfeita, desempatava o jogo. E o Londrina conquistava o Campeonato Paranaense de 1981. Centenas de torcedores pularam o alambrado e comemoram a vitória no gramado do Estádio do Café. Uma autêntica festa azul e branca.
              O LEC campeão jogou com Neneca, Toninho, Zequinha, Fernando, Zé Antonio, Luiz Gustavo, Zé Roberto e Nivaldo (Carlos Alberto Garcia), Zé Dias, Paulinho e Carlos Henrique. O valente Grêmio Maringá teve Rubens, Detti, Eloi, Osiris e Ricardo; Élcio, Ademir e Silvinho; Paulo César (Lola) Jacy e Nei. O árbitro da grande final foi Nilton Martins, auxiliado por Afonso Vitor de Oliveira e Bráulio Zanotto. A renda do jogo foi de 9.818.450 cruzeiros.

Dados do Jornal Diário do Paraná - Edição 7965 de 1/12/1981:
Comissão Técnica:
Treinador: Urubatão Calvo Nunes
Auxiliar Técnico: José Mendes de Souza (Zequinha)
Preparador Físico: Carlos Roberto Valente de Oliveira (Bebeto)
Massagista: Adair Ganeo
Treinador de Goleiros: Zeferino Pasquini
Médico: Jair Furlan
Enfermeiro: José Carlos Venturini
Roupeiro: Bernardo
Elenco/atletas: Neneca,Toninho, Zequinha, Fernando, Zé Antonio, Luiz Gustavo, Zé Roberto, Nivaldo, Zé Dias, Paulinho, Carlos Henrique, Cacau, Arenghi, Itamar, Osmarzinho, Zé Carlos, Márcio, Carlos Alberto Garcia, Adalberto, Tatá, Everton, Capelozzi, Luizinho, Valdir, Jorge e Silva.
Presidente do Clube: Ézio Ivan Secco


Foto: Revista Placar

Abaixo, a narração de Jota Mateus para a final de 1981:



3 comentários:

  1. ACHO QUE O PREPARADOR FÍSICO ERA O BEBETO, QUE DEPOIS FOI DO S.P.F.C. O VENTURINI NA ÉPOCA ERA MASSAGISTA. GOSTARIA DE TER UMA RESPOSTA PRECISA. OBRIGADO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses dados são são do Jornal do LEC conforme citado acima e são os mesmos do Livro Londrina Esporte Clube- 40 anos- de J. Mateus. Mas vou pesquisar em outras fontes e lhe responderei assim que tiver a resposta. Por favor deixe seu nome e/ou escreva para o email: bloglondrinense@yahoo.com.br

      Excluir
  2. VERDADE "ANONIMO". EU QUANDO BATI O OLHO JA VI ESTE ERRO. VC ESTÁ CORRETO.

    ResponderExcluir