Saudações alvi-celestes!

Saudações alvi-celestes! Este blog tem por objetivo mostrar a história, curiosidades, fotos, videos, notícias e tudo que for ligado ao nosso Londrina Esporte Clube, o Tubarão.
Estamos em pesquisa contínua, atualizando dados todas as semanas.
Sinta-se à vontade para entrar em contato conosco:
Colaborações, sugestões, informações: E-Mail: bloglondrinense@yahoo.com.br
Flávio Frim

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Luto - Morre Zequinha, ex zagueiro do LEC


Luto!
José Carlos da Silva, o Zequinha, ex-zagueiro do Londrina faleceu aos 56 anos.Fico muito triste, pois vi o ex-zagueiro, campeão pelo LEC em 1981,  atuar pelo LEC e em setembro passado o conheci pessoalmente, conversamos por umas 2 horas. Ele foi muito simpático e atencioso comigo, contando as histórias dele no futebol e em sua vida particular.
Descanse em Paz Zequinha! Seu nome permanecerá na história do LEC e nos corações de todos que lhe conheceram!
Abaixo o link da matéria que fiz com ele em setembro passado.


E abaixo a matéria feita pelo Jornal de Londrina em 15/01/2013:

Zequinha faleceu repentinamente ontem pela manhã, aos 56 anos, e foi sepultado no fim da tarde, no Cemitério São Paulo (zona leste).
O ex-jogador morava na casa de seu irmão, Moacir Silva, que foi quem o encontrou caído quando saía para trabalhar. Silva contou que chamou o Siate, porém não houve tempo de salvar Zequinha. O irmão ainda comentou que o médico que atendeu o ex-zagueiro disse que ele sofreu um derrame ou infarto. A notícia da morte de Zequinha foi tão inesperada quanto desencontrada. Nas redes sociais, nas rádios e até mesmo no site oficial do LEC, a informação era de que o ex-jogador nascido em Londrina em 1957 havia morrido no domingo, após bater a cabeça ao sofrer uma queda, e que tanto o velório quanto o sepultamento teriam ocorrido no mesmo dia, por opção da família.
Reprodução RPC TV
Reprodução RPC TV / Segundo familiares, Zequinha entrou em depressão ao perder o filho após uma abordagem policial
Ampliar imagem
Segundo familiares, Zequinha entrou em depressão ao perder o filho após uma abordagem policial
Em 2004, Zequinha passou por um drama familiar, ao perder o filho, Rafael Bezerra da Silva, após uma abordagem policial realizada na zona leste da cidade. Rafael levou 14 tiros, ficou internado em estado grave num hospital e faleceu 40 dias depois. Segundo o irmão de Zequinha, esse fato nunca foi superado pelo ex-atleta. “Ele entrou em depressão depois da morte do Rafael. Ele não viu os policiais serem presos. Só que a gente não vai desistir não, mesmo com a morte dele, nós vamos querer a justiça”, comentou Moacir Silva.
“Ele lutou, lutou e lutou pela justiça. Viu que não resolveu nada e, aí, caiu em depressão, começou a beber. Até que chegou um ponto que ele não aguentou mais. Ele estava com problema no fígado, a gente tentou internar ele várias vezes, mas ele não quis”, elucidou o irmão de Zequinha. 

Entre os que foram se despedir do ex-jogador foi o ex-goleiro Jorge, campeão com Zequinha no time de 1980. “Com muita tristeza venho me despedir do Zequinha. Ele é um amigo-irmão”, comentou. “O Zequinha foi um dos grandes zagueiros do Paraná. Em um momento desse, não que a gente precise de algo, mas era bom ter o conforto da diretoria. Eu sei que isso pegou de surpresa, foi de repente, mas acho que faltou um pouquinho mais de carinho pelo Zequinha, meu irmão. Para quem defendeu essa camisa [do Londrina], que é a mais linda do Brasil, eu lamento a falta de carinho que tiveram hoje [ontem] com o nosso Zequinha”, desabafou o ex-goleiro. Segundo Jorge, apenas ele e o ex-mordomo do Londrina, Osni do Santos, o Ni, representaram o Tubarão no sepultamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário