Saudações alvi-celestes!

Saudações alvi-celestes! Este blog tem por objetivo mostrar a história, curiosidades, fotos, videos, notícias e tudo que for ligado ao nosso Londrina Esporte Clube, o Tubarão.
Estamos em pesquisa contínua, atualizando dados todas as semanas.
Sinta-se à vontade para entrar em contato conosco:
Colaborações, sugestões, informações: E-Mail: bloglondrinense@yahoo.com.br
Flávio Frim

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

História do LEC: 13 de dezembro

No dia 13 de dezembro de 1992 Londrina e União Bandeirante fizeram o segundo jogo da decisão do Campeonato Paranaense, conhecida como “a final caipira”. O União começou melhor e marcou 1x0 no 1º tempo e 2x0 no começo do 2º. Isso dava o inédito título ao União. Mesmo em desvantagem, a torcida empurrava o Tubarão para a virada. E Tadeu de pênalti diminuiu pro LEC. Nem tudo estava perdido! O jogo se encaminhava pro final e os dirigentes e a torcida de Bandeirantes pediam o final da partida. Mas aos 44 minutos o zagueiro Márcio Alcântara de cabeça empatava o jogo. A decisão ficaria então para o dia 19 de dezembro.


Data: 13/12/1992 – Domingo
LONDRINA 2x2 UNIÃO BANDEIRANTE
Campeonato Paranaense – Decisão – 2º jogo
Árbitro: Ivo Tadeu Scátola
Renda: Cr$ 492.680.00,00 – Público: 26.274 (pagantes)
Expulsões: Luís Carlos (UB) e Aléssio (LEC)
Gols: Vanderlei (UB/15-1°), Zequinha (UB/10-2°), Tadeu [pênalti] (LEC/20-2°) e Márcio Alcântara (LEC/44-2°)
LONDRINA: André Dias, Amarildo (Nilson), Márcio Alcântara, Souza e Roberto; Alexandre, Tadeu e Marquinhos; Aléssio, Cláudio José (Leco) e Celso Reis. Técnico: Varlei de Carvalho
UNIÃO BANDEIRANTE: Anselmo, Luís Carlos, Elson, Emerson e Luizão (Darlan); Donizete, Luizinho Cruz e Tainha (Ferrugem); Zequinha, Alexandro e Vanderlei. Técnico: Geraldo Roncato

É autorizada a reprodução total ou parcial sem fins lucrativos do conteúdo deste blog, desde que citada a fonte


Fontes:
Acervo Próprio
Folha de Londrina

Agradecimentos:
José Carlos Antão e Sergio Antão


Nenhum comentário:

Postar um comentário